Últimos Vídeos

Minha História com as Blythes

Estilo de Vida 17-06-2009

Eu conheci as Blythes no flickr. A primeira vez que vi uma dessas bonecas encantadoras, foi nos favoritos do flickr da Natalya (acho que ela nem sabe disso) em abril de 2007 (só sei a data porque favoritei no flickr que eu tinha na época).

A foto era desse flickr http://www.flickr.com/photos/xoxoblythe. Achei a boneca linda, fofa e super diferente, mas não sabia nem o nome, muito menos como comprar, quanto custava, nada mesmo!
Aí em Abril do ano passado (coincidentemente 1 ano depois), minha mãe foi para minha casa passar uns dias comigo e ela me mostrou várias fotos de Blythes no flickr. Foi uma tarde inteira olhando fotos! Aí já foi um progresso porque pelo menos sabia o nome delas, tinha ideia de que eram bonecas caras, mas ainda faltava saber muita coisa. Lembro que nós vimos a cordinha (que serve para trocar os olhos) e não fazíamos ideia de para que servia. Também percebemos que algumas bonecas tinham mais brilho no rosto que outras…

Um mês depois, conversando com a Mari no msn, ela me mostrou as bonecas, disse que queria comprar uma e aí eu aprendi mais sobre elas, sobre a “cordinha”, o brilho no rosto, as bonecas customizadas… E fui ficando cada vez mais interessada. A Mari sabia tudo, onde comprar, os preços, os modelos, me mostrava as roupinhas, sapatinhos e era tudo tão fofo… Até que eu decidi que queria uma e comecei a busca por uma boneca que se parecesse um pouco comigo. Foi onde encontrei a Prima Dolly Ginger que era moreninha e de cabelos castanho claro como eu. Naquela época, morena assim só tinha ela e a Roxy Baby que é uma boneca limitada (cerca de 450 dólares!) a minha escolhida foi a Ginger.

Minha ideia era comprar ela no mês seguinte, mas não aguentei esperar, me deu aquela coisa do PRECISO, sabe quando parece que você vai morrer se não tiver alguma coisa? Foi mais ou menos assim. Juntei um dinheiro que tinha guardado mais o dinheiro de um site que tinha feito e encomendei ela.

Lógico que meu marido achou que eu estava louca por querer uma boneca aos 28 anos, mas o dinheiro era meu e aos poucos ele foi vendo como eu ficava feliz quando falava dela e foi aceitando.

Aí depois de 21 dias de agonizante espera Isadora chegou! Foi num momento marcante da minha vida, nós tínhamos acabado de vender nossa casa porque meu marido ia ser transferido para outro estado (e cá estamos no interior do interior do MS), eu estava arrumando a minha mudança, quando vi no site dos correios que ela tinha chegado. Não aguentei esperar o carteiro passar em casa e pedi para ele deixar meu pacote separado que eu ia buscar. Minha casa ficava a uns 15 minutos a pé do CDD (Centro de Distribuição Domiciliar) e eu larguei o que estava fazendo e fui buscar ela. A pé, porque quem me conhece sabe que eu não dirijo xD.

E voltei feliz da vida com a caixa nas mãos. No caminho para casa eu passava na frente de uma pracinha e confesso que tive vontade de sentar lá e abrir logo a caixa e ver como ela era. Mas aguentei e só abri ela ela casa, com direito a fotos!

Foi assim que tudo começou. Hoje, exatamente um ano depois que minha primeira Blythe chegou, muita coisa mudou, eu que dizia que só teria uma boneca, tenho 4, meu marido que apenas aceitava de início, hoje dá palpites, me ajudou a escolher as bonecas que vieram depois, tem uma favorita (a Sabrina) e inclusive o nome da Bubbaloo foi ideia dele. A gente se diverte quando levo elas para algum lugar para tirar fotos. Aliás algumas das fotos eu arrumo elas e ele que tira para mim.

É estranho dizer que bonecas me fazem mais feliz, mas é verdade! Outro dia cheguei em casa, estava no sofá e de repente, meu marido trouxe uma delas (a Sabrina queridinha dele) e colocou do meu lado. Ele sabe que eu fico feliz com elas por perto e que atitudes assim me arrancam no mínimo um sorriso.

Acho que eu consegui juntar a paixão que sempre tive por fotografia, com montar visuais e escolher cenários para as bonecas. Quem lembra das Candy Dolls, aquelas bonequinhas que a gente montava em vários sites e escolhia cabelo, roupas, cenários…? Eu perdia várias horas com elas…

Hoje como já disse, tenho 4 Blythes e embora diga que uma ruiva completaria a minha pequena coleção, eu estou MUITO satisfeita com elas!

Minha coleção atual de Blythes
Minha coleção atual de Blythes

66 Comentários

  • Mateus Garcia 22-01-2010 ・ 19:01

    Caaaaaaaaara… gamei nelas, meu deus nunca vi bonekinhas tão lindas * :3:

  • Doo 20-02-2010 ・ 10:15

    oiwn..
    que história liiinda com as Blythes!
    só as conhecer pelo seu blog. elas são muito lindas..

    a “primeira”, sua “mini eu” é realmente uma graça.
    fofas demaaaais!

    beijos estalados

  • Nathália Guse 24-04-2011 ・ 12:25

    Olá Tamara.

    Amei a sua história com as Blythes! Eu estou apaixonada por essas fofuras! Há um tempo atrás, em minhas buscas pela Hello Kitty (sim, a amo!!!), vi esta foto http://www.flickr.com/photos/happilycandied/5574633149/in/pool-mylittlecandy#/photos/happilycandied/5574633149/in/pool-1040843@N22/ e salvei no computador. Essa semana, acabei colocando como avatar do meu orkut. Como coleciono Barbies, resolvi ontem dá uma fuxicada pelo Google e acabei achando as Blythes e o que aconteceu? GAMEI! Ontem fiquei de 13 hs até 24 hs só vendo foto de Blythes e a minha preferida, lógico, é a Candie e acabei achando seu flickr com a Bubbaloo! Virei fã incondicional dela, e será a primeira que vou comprar! Também não sei nada delas e como aconteceu com você, meu marido também achou lindas e ficou horas olhando comigo! Não vejo a hora de comprar a minha e começar a coleção! As suas Blythes são lindas! O trabalho que você faz com elas é perfeito! Parabéns!!!

  • 1 4 5 6

    Deixe um Comentário

    Sobre mim

    Tamara

    Eu sou a Tamara e o Caramelow é a continuação do true-luv.com, blog criado por mim em 2004. Leia mais

    Redes Sociais

    Twitter

    Categorias

    Newsletter

    Receba atualizações por email

    Últimos Posts

    ×